A carga dramática de I Know This Much Is True

Resenha I Know This Much Is True

A carga dramática de I Know This Much Is True

Durante a pandemia, muitos espectadores tem evitado ver algo pesado, desesperançoso e angustiante, neste sentido, o lançamento da nova série original da HBO pode ter sido infeliz, a carga dramática de I Know This Much Is True é tão palpável e incômoda que pode interferir diretamente na audiência, mas será que realmente não vale a pena assistir?

I Know This Much Is True

Thomas e Dominick (Mark Ruffalo) são irmãos gêmeos lutando para sobreviver. Thomas tem esquizofrenia e sua condição piora ao longo dos anos, o que faz com ele passe a depender muito de seu irmão. I Know This Much Is True mostra as dificuldades de ter alguém doente na família, como isso pode afetar inclusive a saúde mental de quem está envolvido nos cuidados. É uma série baseada no romance homônimo de Wally Lamb publicado em 1998, ideal pra quem gosta de histórias densas, com personagens complexos tentando superar graves problemas.

Curiosidade: Mark gravou todas as cenas como Dominick, em seguida deu uma pausa, engordou cerca de 14kg para interpretar Thomas. A diferença na aparência dos irmãos serve como um simbolismo sobre a carga que Thomas representa na vida de Dominick.

Vale a pena assistir

I Know This Much Is True é uma série para poucos, para àqueles que não se contentam com a superfiacilidade dos relacionamentos humanos muitas vezes retratados como padrão em séries de streaming. Não espere uma trama transparente, onde as informações são dadas de maneira fácil. Com o passar dos episódios a sensação que você tem é que Dominick pegou em sua mão e está descortinando o véu de mistérios do seu passado.

Mark Ruffalo tem se mostrado um excelente ator, principalmente em papéis dramáticos, e na pele dos gêmeos de personalidades complexas, ele volta a interpretar um homem com distúrbios psiquiátricos, como Cameron em Sentimentos que curam (2015). I Know This Much Is True deve lhe render indicação ao Emmy em 2021, neste ano ficará de fora devido ao critério de elegibilidade. Só por sua atuação já vale a pena assistir. Insista mesmo achando o ritmo lento, a cada episódio você irá submergir no mundo daquela família, e começar a se sensibilizar com seus dramas e aflições.

Mark Ruffalo em sentimentos que curam
Mark Ruffalo já tinha interpretado um homem com esquizofrenia em Sentimentos que curam Sony Pictures Classics (Foto: Reprodução)

A fotografia fria e distante, representa bem a ausência de felicidade na vida dos irmãos Birdsey, que estão vivendo uma espiral de eventos trágicos desde o nascimento, e isso não é apenas uma observação, é um fato. O motivo é revelado no episódio 5 e o desfecho será no próximo domingo, 14.
Mesmo com todo esta carga dramática, sigo na torcida por um final razoável pelo menos para um dos irmãos, porque no fundo acredito que mais tragédia está por vir, espero que superação também.

Leia também: O que esperar da 4ª temporada de Ozark

Você gosta de escrever? Se interessa por filmes, séries, livros e cultura geek? Seja um colaborador Movie Places!! Preencha o nosso formulário de seleção, clique aqui!

Quer saber um pouco mais sobre a gente? 
Nos acompanhe nas redes sociais: @movie.places (Instagram)facebook/movieplacesoficial; youtube.com/movieplaces

1 Comment
  • frolep rotrem
    Posted at 10:07h, 06 julho Responder

    I think other site proprietors should take this website as an model, very clean and fantastic user genial style and design, let alone the content. You are an expert in this topic!

Post A Comment